O que são os Equipamentos de Proteção Individuais (EPI’s)?

O que são EPI's e como utilizar e indicar os Equipamentos de Proteção Individuais para cada trabalhador

A maioria das pessoas já ouviu falar de EPI. Estes equipamentos de proteção pessoal devem ser usados pelos trabalhadores em todas as situações que possam oferecer algum risco físico ou psicológico. EPI são acessórios indispensáveis em fábricas, processos de construção, na indústria, laboratórios, ambientes ruidosos e locais propensos à contaminação.
Mas o que é o EPI? Qual é o propósito deles e por que eles devem ser usados? Se estas e outras perguntas sobre equipamentos de proteção pessoal não estiverem claras, não se preocupe! Neste post vamos falar sobre esses acessórios. Confira abaixo:

EPI

De acordo com a Norma Regulamentadora NR 6, qualquer acessório ou produto de uso individual usado por um funcionário cujo objetivo é protegê-lo de riscos ou ameaças à segurança e à saúde é considerado como equipamento de proteção individual. Na lista de EPI’s, podemos incluiritens como: óculos de proteção, protetores auditivos, máscaras, capacetes, luvas, cintos de segurança, protetor solar e outros acessórios de proteção.

Sobre o fornecimento de EPI

A empresa contratante é legalmente obrigada a fornecer aos funcionários todo o equipamento de proteção individual necessário para manutenção gratuita. O equipamento deve ser fornecido quando as medidas gerais não fornecem proteção total contra acidentes ou riscos, bem como para resposta a emergências.

Os EPI devem ser entregues aos empregados somente após a introdução de medidas coletivas ou equipamentos de proteção coletiva (EPC). Lembrando que os profissionais de segurança precisam instruir todos os funcionários sobre como e quando usar cada equipamento. Se necessário, as empresas devem realizar palestras e treinamentos para garantir a segurança dos funcionários e informá-los sobre a importância do uso de EPIs.

Substituição de equipamentos de proteção individual

No caso de inutilizável, perdido ou danificado, a responsabilidade pela substituição ou fornecimento de um novo funcionário é de responsabilidade da empresa imediatamente. O uso adequado e responsável de equipamentos de proteção individual evita a danos a saúde do trabalhador e o número de doenças e processos trabalhistas para a empresa a partir da não utilização de EPI’s.

 

O que são EPI's e como utilizar e indicar os Equipamentos de Proteção Individuais para cada trabalhador

Dever dos empregados

Os funcionários devem usar o equipamento única e exclusivamente para os fins a que se destinam. Todos são responsáveis pela manutenção de seus EPIs e pelo cumprimento de todas as definições da empresa ou do empregador em uso. Os funcionários podem ser supervisionados por profissionais de segurança no uso adequado do equipamento e podem sofrer uso indevido. A não utilização do EPI pode levar ao fato de que o funcionário sai por um bom motivo – após a notificação e notificação da empresa.

Importância do EPI

O uso de equipamentos de proteção individual é projetado para proteger o funcionário de qualquer acidente ou dano à sua saúde. O EPI é comumente usado para proteção auditiva, respiratória, visual, facial, proteção da cabeça, mãos e pés e, em alguns casos, é necessário equipamento anti-semita. Deve ser lembrado que o equipamento necessário depende das funções desempenhadas pelo empregado.

3 Trackbacks / Pingbacks

  1. O que são os riscos químicos – GSST – Gestão de Saúde e Segurança do Trabalho!
  2. Normas Regulamentadoras (NRs): Importância e Aplicação! - GSST - Gestão de Saúde e Segurança do Trabalho!
  3. Gestão de EPI - Importância e melhores práticas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*